terça-feira, 15 de abril de 2008

A patinar

Não faço a menor ideia como se joga ou como se pontua no curling. À minha frente vejo uma espécie de vassoura/escova com que os jogadores vão varrendo a superfície gelada levando pela frente uma espécie de pedra feita de granito. Penso que funciona com base na fricção da base e que pode ser jogado por homens ou mulheres, gordos e magros, novos e velhos, com ou sem óculos, mas que deve exigir um físico ágil e conhecimentos de Física.

Depois do desastroso jogo do Vitória na Taça, frente a um dragão que nem jogou muito, penso que vou dedicar o resto da temporada, se a Eurosport ajudar, ao curling.
Por isso, faço minhas as palavras da Miss Pearls. No entanto, não troco por nada, nem mesmo pelos muchachos da Noruega, a equipa de curling feminino do Canadá, em especial a grande jogadora, e delicada menina, Jennifer Jones.

5 comentários:

MissPearls disse...

Compreendo, amigo Carlos.
O capitao da equipa da Noruega, de nome impronunciável, já era uma espécie de veterano, que já não vai para novo. A malta já anda farta de ronaldos lindos, novos e fortalhaços.
Quando aparece um Norueguês maduro com ar inteligente e giro (ainda por cima) é logo motivo de post. O curling - coisa chata - pode ser um pretexto :)

P meu sporting também ainda não foi desta.... mas a gente já anda nisto há muitos anos e nem estranha :)
Isabel

CMC disse...

Cara Isabel,
Devo confessar-lhe que não considerei nada chato observar, há dias, a participação da selecção canadiana, salvo erro contra a sul-corena. E a Menina Jones é admirável Não só pelas jogadas que fez - penso que não será nenhum erro dizer jogadas! -, mas também pela sua beleza pessoal. :)

MissPearls disse...

Tá bemmm acredito.....
mas sejamos sinceros: percebeu como é que a menina Jones pontuava com a esfregona na mão? Percebe alguma coisa daquilo?

Pedro Sá disse...

COF !

CMC disse...

A Menina Jones não 'varre', envia o disco! :)

Pedro,

Estás com tosse?! :)